Home / Notícias / TATO Comunidade: Terapeutas Ocupacionais da UFES trabalhando pelo bem da sociedade

TATO Comunidade: Terapeutas Ocupacionais da UFES trabalhando pelo bem da sociedade

O pequeno João Augusto, de 7 anos, nasceu prematuro e teve paralisia cerebral. Como consequência da doença, a cadeira de rodas tornou-se um instrumento necessário para a locomoção. Além de próteses nas pernas para evitar a atrofia muscular, agora, João necessita de uma órtese para o braço esquerdo.

A mãe de João, Joelma, explica que com a paralisia, o lado esquerdo do filho se desenvolveu menos do que o direito, o que o impede de movimentar a cadeira de rodas para os dois lados.

Diante da situação, Joelma procurou o Projeto TATO Comunidade, desenvolvido pelo curso de Terapia Ocupacional da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Coordenado pela professora, a terapeuta ocupacional Gilma Coutinho, o TATO Comunidade oferece tecnologia assistiva e terapia ocupacional para a comunidade. Foi lá que Joelma conseguiu a órtese que seu filho precisava e está na esperança de que João possa se tornar mais independente.

Aliás, o objetivo do TATO Comunidade é justamente esse: dar mais autonomia às pessoas com deficiências, sejam crianças ou idosos, para que possam ter condições de manusear objetos da vida cotidiana, como talheres, escova de dente, de cabelo, de banho, entre outros itens necessários à dignidade humana.

A professora Gilma Coutinho explica que o TATO foi criado há quatro anos, a partir de uma necessidade de aproximar os alunos de Terapia Ocupacional da realidade. Como ainda não há clínica escola na UFES – está em construção – era necessário um espaço para que os estudantes pudessem praticar o atendimento às pessoas com deficiência.

“Era necessário que os estudantes tivessem a possibilidade de praticar, de aprofundar o conhecimento após cursarem as disciplinas de Tecnologia Assistiva I e II. Hoje, só temos o CREFES, mas a demanda é muito grande. Então, é uma outra oportunidade para os estudantes e há a contrapartida da comunidade, que precisa de atendimento”, destacou a professora.

O TATO Comunidade atende todas as quartas-feiras, das 13h às 17h, gratuitamente. Os interessados deverão entrar em contato com a secretaria do curso de Terapia Ocupacional, localizada na Sala 6 do Prédio da Biologia, no Centro de Ciências da Saúde, em Maruípe, Vitória, às quintas-feiras, das 13h30 às 17h30.

Mais informações pelo e-mail gilma.coutinho@ufes.br .

Leia Também

PL prevê cobertura, por plano de saúde, de exames solicitados por fisioterapeutas

Acesse aqui e concorde totalmente com este PL. Sobre  PL 4571/2020 O Projeto de Lei 4571/20 …

.

PARCEIROS CREFITO

 
 
X